5 min read

O sabor do retorno ao Borogodó e suas novidades

0

Há pouco mais de um ano eu conheci o Borogodó, uma espécie de restaurante secreto que só funciona através de eventos que são divulgados nas redes sociais. De lá pra cá, o restaurante abriu mais vez em junho deste ano e também participou da segunda edição do Passo a Paço.  A passagem pela feira parece que deu um gás na jovem equipe que tem como chef Rodrigo Alcântara, e no último sábado eles abriram novamente as portas. Dessa vez foi um jantar para convidados, onde foi servido seu menu degustação.

O clima intimista permanece, bem como o cuidado com a decoração simples onde objetos de tons terrosos cobriam a longa mesa de madeira e anunciavam uma série de pratos que seguiriam a mesma paleta de cores. Já os sabores eram uma mistura significativa de ingredientes simples, mas muito bem trabalhados que deixaram a noite quente mais suave e gostosa.  Para começar a degustação, foi servido  o bolinho de risoto de tucupi que esteve presente no Passo a Paço.

borogodo03
Bolinho de Tucupi

Na sequência veio o Derruba Homem, prato que consiste em molho bolonhesa coberto com queijo e polenta. Forte e revigorante e não é à toa que se tornou o carro-chefe da casa.

borogodo05
Derruba Homem

Outro que também  tem a cara da casa é o Coração na cama de farofa de bacon, que me conquistou da primeira vez e que continua sendo de uma simplicidade deliciosa.

borogodo04
Coração na cama de farofa de bacon

Para finalizar o último prato salgado da noite foi servida a Carne de Sol. Desde que terminei o desafio sem carne passei a comer mais devagar qualquer carne vermelha com o intuito de  valorizar mais cada pedaço que chega ao meu prato.   Esse esforço pessoal aliado  à suculência dos finos cortes de contra filé mal passado acompanhado de purê de abóbora, cogumelo shitake e agrião acabou superando as minhas expectativas e foi o prato que mais me agradou.  É uma refeição completa, equilibrada e saborosa que, com exceção do cogumelo,  mistura ingredientes comuns, mas que quando bem elaborados, consegue se destacar.

borogodo02
Carne de Sol com purê de abóbora e cogumelo shitake

Fechando a noite com chave de ouro, ou melhor, com uma adociçada calda de banana veio a cheesecake.   Uma delícia que bastou a primeira colherada para calar a todos os presentes de tão bom que era  e que quero encontrar mais vezes, porque sinto que precisamos nos rever.

borogodo01
X-Cake com calda de banana

Novo formato 

O caráter experimental do Borogodó permite que ele adapte seu formato para melhor atender a cada edição. Na próxima que está prevista para acontecer no dia 19 de dezembro, será servido também um menu degustação, onde será cobrado o valor fixo de R$ 60,00. Nesse preço estará incluso 5 pratos salgados em versão menores, 1 sobremesa, água e refrigerante.  Cerveja e destilados serão vendidos separadamente. Além disso, o restaurante funcionará em dois horários, 19h até às 21h e de 21h30 até 23h30. Para ninguém ficar de fora e conferir o que o Borogodó tem.

BOROGODÓ – FEITO EM CASA

Onde: Rua B, Conj. Jardim Yolanda, Quadra 2, nº 14 – Parque 10 – Manaus

Quando: 19 de dezembro


OI! JÁ QUE VOCÊ TERMINOU DE LER ESSE POST, SHANTAY, YOU STAY E SIGA O BLOG AQUI TAMBÉM:

FACEBOOK   INSTAGRAM    YOUTUBE    GOOGLE   SNAPCHAT   PERISCOPE  TSU

Feed
Translate »