Um pulo em Alter do Chão

0

O Gordirce desembarcou em Alter do Chão, uma  vila paraense situada 35 km de Santarém e vamos te contar o que tem de bom pra comer e beber nesse pedaço da terra mocoronga. Para quem não conhece, Alter do Chão é uma ilha de pescadores que chegou a ser considerada pelo jornal britânico The Guardian como a praia mais bonita do Brasil. O motivo da escolha não foi à toa. Águas doces cristalinas combinada com a areia branca da praia compõem o visual paradisíaco que acabou se tornando um dos destinos preferidos dos amazonenses na hora de viajar.

Como chegar?

Desembarcamos no aeroporto de Santarém, de onde partimos de táxi até Alter, cujo preço da corrida fica em torno de 70 reais. Ficamos hospedados em uma  pousada localizada a cem metros da Ilha do Amor, uma das principais praias de Alter.  Pra chegar até lá, dá pra ir nadando mesmo ou pagar apenas 5 reais para ser levado em um bote que cabe até 4 pessoas.

IMG_1811

Comendo e bebendo

Foram quatros dias bem legais, bebendo cerveja e comendo muito peixe. Pra comer tem todo o tipo de peixe que o amazonese já conhece, como o  tambaqui, pirarucu, tucunaré e preparado das mais variadas formas: assado, frito, grelhado, na manteiga ou à escabeche. Já para beber, você encontra as cervejas brasileiras populares que facilmente tem em supermercado, mas também tem à sua disposição as cervejas fabricadas em Bélem, como  a famosa CERPA e suas variações, a Gold, Draft… Mas a que faz mais sucesso por lá é a Cerpa Tijuca. Pra mim ela é bem parecida como os rótulos brasileiros tradicionais, a garrafa de 600 ml custa R$ 7,00 em quase todos os lugares de Alter.

Então vamos de comida. Pedimos um pirarucu na manteiga, acompanhado de arroz, baião e vinagrete, que custou cerca de 60 reais e serve 3 pessoas. Claro, que para beber, escolhemos cerveja!

IMG_1825

Se engana quem pensa que não tem nada pra fazer na noite em Alter. A vida noturna  também é bastante movimentada, com boas opções pra beber e comer. Fizemos uma parada na ”Casa do Caldo”, que tem como especialidade caldos de diversos sabores, como camarão, carne, galinha caipira, pirarucu, bacalhau, entre outros. Cada dia são 3 sabores diferentes para escolher. Essa é uma opção boa e barata, principalmente para os amantes de caldos e sopas.

Para abrir os trabalhos à noite merendamos na famosa lanchonete local, ”X-Bom Burger”, e lá encontrei o MELHOR SANDUÍCHE QUE EU COMI EM TODA MINHA VIDA! É uma lanchonete com hambúrgueres totalmente artesanais, tem de carne bovina, frango,  pirarucu,  CAMARÃO e BACON! Sim! CAMARÃO E BACON, esses dois eu comi, o de camarão é uma delicia, muito bom mesmo, mas o de bacon, é SENSACIONAL, o melhor hambúrguer de todos os tempos. Já pensou em pegar 100 g de bacon, moer e depois modular no formato de hambúrguer? Pois é amigos, é exatamente isso que eles fazem, eu nem lembro mais o que leva dentro do sanduíche de tão gostoso que ele era. Comer no X-Bom era tão bom, que nem lembrei de tirar foto, fica pra próxima.

Fomos também no ”Restaurante Arco Iris da Amazônia”, onde tem também hambúrguer artesanal, crepes, e pratos mais elaborados, tudo feito pelo chef da casa. Experimentamos um sanduíche no valor de R$ 13,00, já os pratos com pirarucu e flié mignon estavam no valor de 34 reais, e pra beber, claro, cerveja, a Cerpa Tijuca, tudo isso com um carimbó ao vivo.

IMG_1911

IMG_1907

Na volta pra casa, já no aeroporto de Santarém, comi um X-Bacon com hamburguer artesanal, estava um espetáculo, não era igual do X-Bom, mas era muito bom também, e pra beber, claro, cerveja Cerpa, mas dessa vez a escolhida foi a Draft.

IMG_1976

Existem outras opções em Alter do Chão, mas durante os 4 dias que estive por lá não ficou nada a desejar, aproveitamos ao máximo a cidade e a viagem foi super tranquila. Ah! Vale lembrar que a cidade é pequena, ideal para casais e famílias com crianças. Estávamos em 8 e ainda tinhamos 2 crianças conosco, uma de 4 anos e outra de 5 meses, tudo muito bom para os pequenos. Aos que se interessaram na pacata vila de Alter do Chão, há ainda outras praias nos arredores da cidade, mas para chegar nelas é preciso um guia ou pelo menos um carro, pois a única que fica na vila é a famosa praia do amor!

Aqui vai o contato do nosso amigo Gustavo, um turismólogo apaixonado por Alter e quem indicamos para os que desejam conhecer a cidade:

Gustavo Fernandes

Cel.: 93 99202-6929

Facebook: Amazon Experiences


OI! JÁ QUE VOCÊ TERMINOU DE LER ESSE POST, SHANTAY, YOU STAY E SIGA O BLOG AQUI TAMBÉM:

FACEBOOK   INSTAGRAM    YOUTUBE    GOOGLE   SNAPCHAT   PERISCOPE  TSU

Feed
Translate »