3 min read

Risoto de Tacacá

0

risototacaca

A experiência dessa semana foi mais uma vez um risoto, só agora que decidi experimentar um típico sabor do Norte do Brasil: o tacacá. Para quem não sabe, tacacá é uma espécie de sopa feita com goma de tapioca, tucupi, camarão e jambu. O jambu é uma erva que dá a sensação de dormência na língua. Acredite, isso é muito legal. Apesar de levar ingredientes considerados exóticos, o valor total dessa experiência saiu bem barato. Vamos às contas:

1 maço de jambu= R$ 2,00

2 litros de tucupi= R$ 3,00 (na receita só usei 1 litro)

1 maço de cheiro verde= R$ 2,00

1 maço de cebolinha e chicória: R$ 2,00 (na receita só usei a chicória)

500 gramas de camarão descascado: R$ 17,00

1 kg de arroz: R$ 2,64 (arroz tipo agulhinha mesmo)

Alho: acho que duas cabeças custaram uns R$ 2,00, mas na receita só usei 4 dentes de alho

Azeite: esse eu já tinha em estoque, mas normalmente uma latinha de 200 ml é encontrado por uns R$ 7,00

De acordo com as minhas contas não exatas, o custo saiu em torno de R$ 35,00, o que é um preço muito razoável, já que rendeu 11 porções.

É difícil?

Nenhum pouco. É um pouco trabalhoso porque envolve etapas que são feitas simultaneamente. Mas podem ser feitas de cada vez? Sim, claro. Eu penso que enquanto houver fogões com bocas disponíveis, eu quero usá-las para otimizar meu tempo e não passar uma manhã inteira cozinhando um prato simples. Levei 2 horas para cozinhar o risoto porque alguns ingredientes precisavam de um pré-preparo. O tucupi, por exemplo, por mais que vendam fervido, eu prefiro ferver ainda mais em casa. Como ele é extraído a partir de uma mandioca “venenosa”, que contém ácido cianídrico, minha mãe sempre falou que é bom ferver mais em casa. Aprendi com ela e estou viva até hoje. O jambu também precisa ser fervido, não porque tem veneno, mas é que comê-lo cozido é bem melhor que comer cru. Além disso, o camarão precisou ser desalgado e só nesse processo é gasto 1 hora.

Na hora de cozinhar o arroz, é possível cozinhá-lo desde o início com o tucupi. Eu preferi começar cozinhando com água e azeite mesmo, só que deixei pouca água, aproximadamente 1 dedo acima do arroz. Depois do arroz estar um pouco amolecido, acrescentei o tucupi e gradativamente o resto dos ingredientes. À medida que for cozinhando, experimente com uma colher limpa e se precisar de sal, coloque um pouco. Confira a receita e se tiver alguma dúvida, escreve pra gente aí nos comentários:

Não esquece de assinar o canal do Gordirce! 😀


OI! JÁ QUE VOCÊ TERMINOU DE LER ESSE POST, SHANTAY, YOU STAY E SIGA O BLOG AQUI TAMBÉM:

FACEBOOK   INSTAGRAM    YOUTUBE    GOOGLE   SNAPCHAT   PERISCOPE  TSU

Feed
Translate »